700 demissões e 1,2 mil contratos de trabalho suspensos são os números da hotelaria em Gramado

O Sindicato dos Trabalhadores no Comércio Hoteleiro e Similares de Gramado já homologou a baixa de mais de 700 desligamentos entre hotéis, pousadas, restaurantes e lancherias, e cerca de 1,2 mil contratos de trabalho suspensos. “Este número não corresponde totalmente à realidade, pois pelo Sindicato passam somente contratos de trabalho com mais de seis meses de empresa”, disse o vice-presidente Rodrigo Callais. O número representa cerca de 20% do setor que tem cerca de 4 mil trabalhadores.

Para o presidente do Sindtur Serra Gaúcha, Mauro Salles, este índice de demissões está bem abaixo do previsto. “Se não se alongar tanto esta crise de saúde, ainda temos chance de salvar as empresas e bastante empregos”, disse Salles. A hotelaria deve voltar às atividades no início de maio, porém com protocolos rígidos de atendimento e funcionamento.

Fonte – Jornal Pioneiro 27/04/2020 Página 2

Foto – divulgação/Hotel Alpestre

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ENVIAR MENSAGEM